Seu navegador tentou rodar um script com erro ou não há suporte para script cliente.

Início do conteúdo
Página inicial > Últimas > Inscrições para concurso cultural 'Tamo Junto com a Cipave' vão até 31 de agosto

Inscrições para concurso cultural 'Tamo Junto com a Cipave' vão até 31 de agosto

Inscrições para concurso cultural 'Tamo Junto com a Cipave' vão até 31 de agosto
Escolas das redes públicas estadual e municipal agora têm até 31 de agosto para enviar suas inscrições - Foto: Daniela Barcellos/Palácio Piratini - Download HD (385,00 kB)

O concurso cultural 'Tamo Junto com a Cipave' prorrogou até o dia 31 de agosto as inscrições para que escolas entrem na brincadeira do lip sync e enviem seus vídeos. A ação, lançada pelo governador José Ivo Sartori no final de junho, busca propagar a cultura da paz e a valorização da escola pública, prevenindo conflitos e combatendo o bullying - conceitos trabalhados pelo programa Cipave

O concurso desafia os alunos das escolas das redes públicas estadual e municipal a produzir um vídeo, no formato lip sync (termo em inglês que se refere a técnicas de dublagem), inspirado no comercial do programa e utilizando o jingle da campanha. O clipe deve ter entre 43 e 47 segundos.

Será permitida a inscrição de um vídeo por escola e a escolha dos 10 melhores será feita por votação popular no site da Cipave, com datas a serem definidas e divulgadas posteriormente. A ação é uma parceria entre as secretarias da Educação, de Comunicação e do Gabinete de Políticas Sociais.

A escola campeã receberá um troféu especial e terá seu vídeo exibido em um canal digital jovem e no intervalo de um programa televisivo.

Acesse o formulário e faça sua inscrição

Confira o regulamento do concurso e o manual de lip sync.

O que são as Cipaves?

Instituídas nas escolas da rede de ensino estadual por meio da Lei nº 14.030, em 26 de junho de 2012, pela então deputada estadual Maria Helena Sartori, as Comissões Internas de Prevenção a Acidentes e Violência Escolar (Cipaves) têm a função de diagnosticar vulnerabilidades no âmbito escolar. Faz parte do programa social ensinar e reforçar a cultura da paz e de valores como respeito, tolerância e convívio com as diferenças, envolvendo alunos, professores, funcionários e comunidade. Atualmente, 2.325 escolas estaduais têm instaladas em suas dependências esta comissão especializada, o que representa mais de 90% da Rede.

Texto e edição: Secom


Endereço da página:

Compartilhar:

Governo do Estado do Rio Grande do Sul