Seu navegador tentou rodar um script com erro ou não há suporte para script cliente.

Início do conteúdo
Página inicial > Últimas > Ospa retorna ao Margs com recital do Trio de Madeiras de Porto Alegre

Ospa retorna ao Margs com recital do Trio de Madeiras de Porto Alegre

Ospa retorna ao Margs com recital do Trio de Madeiras de Porto Alegre
A apresentação é no próximo domingo (25), a partir das 16h30 - Foto: Ana Eidam/Ospa - Download HD (2,87 MB)

A Série Música no Museu, parceria entre a Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (Ospa) e o Museu de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli (Margs), ganha sequência no próximo domingo (25), com recital do Trio de Madeiras de Porto Alegre. A partir das 16h30, o grupo, formado pelos músicos da Ospa Leonardo Winter (flauta), Augusto Maurer (clarinete) e Adolfo Almeida Jr. (fagote), interpreta obras de Johann Sebastian Bach, César Guerra Peixe, Robert Muczynski, Hubertus Hofmann e Ernesto Nazareth, na Pinacoteca do Margs. O público também poderá visitar a mostra 'Pro Posições: exposição comemorativa dos 25 anos do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais do Instituto de Artes da Ufrgs', que será o cenário da exibição. A entrada é franca.

"Neste programa, o nosso grupo executa obras originais para a formação de trio de madeiras guarnecidas por arranjos de música barroca e brasileira", comenta Augusto Maurer, clarinetista. A primeira música do recital é Cânone Perpétuo da Oferenda Musical, de Bach. Depois, vem Fragments, do polonês naturalizado norte-americano Muczynski, seguida pelo Trio, de Hofmann. "Essa peça é fruto de uma extensa parceria entre o compositor e o Trio de Madeiras que resultou, inclusive, na criação de seu Concertino Tríplice, composto para o aniversário de 20 anos do grupo", conta Augusto.

Na sequência, ganha destaque o Trio, escrito pelo carioca Guerra Peixe. "O compositor oscilou, durante toda sua carreira, entre uma vigorosa estética nacionalista e os ensinamentos de Hans-Joachim Koellreuter, principal promotor e divulgador, no Brasil, das inovações da vanguarda europeia de então. Seu Trio reflete esta tendência ao apresentar danças estilizadas do nordeste brasileiro numa linguagem tonal provocativa", explica Augusto. A apresentação termina com adaptações do conjunto para duas peças de Ernesto Nazareth, Bambino e Brejeiro.

O grupo

Fundado em 1984, o Trio de Madeiras de Porto Alegre é um conjunto de câmara formado por flauta transversal, clarineta e fagote. Tem o objetivo de divulgar a música composta para esta formação, incentivando a criação e execução de novas obras. Com amplo repertório, executa peças originais de diferentes períodos e estilos e arranjos especialmente compostos para o conjunto.

Leonardo Loureiro Winter (flauta transversal), Augusto Fonseca Maurer (clarineta) e Adolfo Almeida Jr. (fagote), os integrantes, possuem destacada atuação profissional. Eles são músicos da Ospa, professores da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) e do Conservatório Pablo Komlós (Escola de Música da Ospa). Vencedor de diversos prêmios, como o Açorianos de Música, o Trio vem se apresentando em recitais e concertos no Brasil e exterior.

A série

Lançada no ano passado, a série Música no Museu foi criada para institucionalizar a presença da música de câmara na programação da Ospa. Ela leva ao público repertórios para formações menos numerosas em relação à orquestra, além da produção de compositores que escrevem especificamente para essas formações.

Em Porto Alegre, os encontros são promovidos uma vez por mês em parceria com o Margs. O objetivo da série é também aproximar música, artes visuais e história em um espaço tradicional da cidade dedicado à preservação da nossa história cultural. Uma das novidades deste ano é a apresentação do grupo Ospa Música Nova.

Dica

Quem for ao recital poderá visitar, além de Pro Posições: exposição comemorativa dos 25 anos do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais do Instituto de Artes da Ufrgs,  as mostras Redes, por Tonico Alvares; Uma Possível História da Arte do Rio Grande do Sul: Plural[ismos] no sul; Marilice Corona - entre o acervo e o eStúdio; No eStúdio, mostra coletiva do Studio P; e Traço Solto - Trânsitos da Arte Naif no Acervo do Margs. No Bistrô, está em cartaz POA 81, de Flávio Wild.

Mais informações pelo site www.ospa.org.br ou pelo telefone (51) 3222-7387.


A Ospa é uma das fundações vinculadas à Secretaria da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer do Governo do Rio Grande do Sul (Sedactel/RS). Os concertos da temporada 2017 são patrocinados, via Lei Federal de Incentivo à Cultura, por Corsan e Banrisul, com apoio de Ipiranga, Thyssenkrupp e Enerfín/Ventos do Sul. A realização é de Ospa, Fundação Cultural Pablo Komlós e Sedactel/RS.

Serviço

O quê: Recital do Trio de Madeiras de Porto Alegre, da Série Música no Museu da Ospa

Quando: domingo (25), às 16h30

Onde: Museu de Arte do RS Ado Malagoli - Margs, Praça da Alfândega, s/nº – Centro Histórico

Quanto: entrada franca

Programa

- Johann Sebastian Bach - Cânone Perpétuo da Oferenda Musical
- César Guerra Peixe - Trio para flauta, clarinete e fagote
- Robert Muczynski - Fragments
- Hubertus Hofmann - Trio nº 2
- Ernesto Nazareth - Bambino (Arranjo de Kim Ribeiro) e Brejeiro (Arranjo de Leonardo Winter)
- Apresentação - Trio de Madeiras de Porto Alegre, formado por Leonardo Winter (flauta), Augusto Maurer (clarinete) e Adolfo Almeida Jr. (fagote)
 





Texto: Mariana Sirena/Ascom Ospa
Edição: Denise Camargo/Secom


Endereço da página:

Compartilhar:

Governo do Estado do Rio Grande do Sul